INSS: Golpistas se passam por servidores para aplicar falsa prova de vida

Saiba como os golpistas agem ao se passar por servidores do INSS e como evitar cair em fraudes

24/04/2024 às 07:08 | Atualizado 24/04/2024 às 07:08 | Tempo de leitura: 2 minutos

INSS: Golpistas se passam por servidores para aplicar falsa prova de vida

INSS: Golpistas se passam por servidores para aplicar falsa prova de vida

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) emitiu um alerta na última sexta-feira (19) sobre golpes que têm como alvo aposentados e pensionistas, onde golpistas se passam por servidores do governo federal para aplicar uma falsa "prova de vida presencial".

Neste artigo, vamos discutir essa questão, fornecendo informações importantes para evitar cair em golpes desse tipo.

Golpe da falsa Prova de Vida

Os criminosos têm utilizado artifícios como crachás falsos e abordagens enganosas para ludibriar os beneficiários do INSS. É importante destacar que o INSS não está realizando qualquer pesquisa externa ou prova de vida presencial neste momento.

Imagens que evidenciam essa prática fraudulenta chegaram ao conhecimento do INSS, que tomará medidas legais para identificar e punir os responsáveis pelo golpe.

Nesse sentido, o presidente do INSS, Alessandro Stefanutto, ressaltou a gravidade desse tipo de ação. Além disso, o executivo reiterou o compromisso em investigar e punir os envolvidos.

Cuidados para evitar golpe da falsa prova de vida

Para evitar cair nesse tipo de golpe, os beneficiários do INSS devem estar atentos a algumas orientações importantes:

  1. Desconfie de abordagens suspeitas: Não forneça informações pessoais ou siga orientações de supostos servidores do INSS sem antes confirmar sua identidade.
  2. Atenção aos atendimentos presenciais: O INSS esclarece que os atendimentos presenciais são realizados apenas para questões específicas, como comprovação de vínculo e endereço, sem a necessidade de solicitar cópias de documentos ou fotografias.
  3. Confirme a identidade do servidor: Em caso de dúvida, solicite o nome completo e a matrícula do suposto servidor e entre em contato com a Central de Atendimento 135 para verificar se a pessoa realmente faz parte do quadro de funcionários.

A segurança dos beneficiários do INSS é uma prioridade, e medidas estão sendo tomadas para combater golpes que visam prejudicar aposentados, pensionistas e segurados em geral.

Por isso, é fundamental que todos estejam alertas e adotem os cuidados necessários para evitar cair em fraudes. Qualquer suspeita de atividade criminosa deve ser denunciada para que as devidas providências sejam tomadas.

Tópicos Relacionados